insiste

Insiste é um existe. O que mais insiste,  não existe.

Quer se fazer existido? Ou existência?

Coisa ou sujeito?

Não é claro.

Por isso insiste.

É verdadeiro?

Tem vezes.

E subtrações.

E adições.

E às vezes encontros. Duas insistências podem ser só uma. Ou trezentas.

Repito tantas vezes trezentas. É coisa que me insiste.

Porquê?

A insistência faz-se existência pela pergunta.

Corro o risco de estar a ser mais analítica que poeta.

Insiste-me a análise.

Do que seja.

E às vezes, amargura-me a existência.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Um Site da Web WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: